novologomnc vetor prancheta copia
empoderamento feminino

Compartilhe

Facebook
LinkedIn
Twitter

Empoderamento feminino digital: O que é e como fazer?

O termo empoderamento feminino hoje está em alta, mas para falar dele digitalmente, precisamos entender como fazê-lo e sua importância. Por isso, nesse artigo, falaremos um pouco mais sobre o empoderamento feminino digital.

Quando pensamos no mundo digital, é importante pensar que a pandemia teve um impacto muito significativo nas redes em geral. Uma pesquisa da empresa Kaspersky mostra que a vida profissional das mulheres que trabalham na área de tecnologia foi afetada. 

Porém, mesmo assim, mulheres são mais resilientes quando o assunto é empreender em tecnologia. Um estudo realizado pelo Sebrae junto a Fundação Getúlio Vargas, as mulheres são as que mais usam o mundo digital a favor de suas empresas, sendo 8% maior que os homens.

Empoderamento feminino nas redes sociais

Falando principalmente nas redes sociais, essa atuação vem trazendo um empoderamento muito maior, pois ele gera maior visibilidade de negócio, auxilia no aumento de oportunidades, gera valor, e traz conteúdos e insights. 

Além disso, aumenta a equidade de gênero aos poucos, fazendo com que as mulheres sejam mais requisitadas em suas especialidades! Dentro desse mesmo estudo, foi comprovado que elas fecharam 5% a mais do que os homens em vendas online.

Podemos atribuir todas essas conquistas ao empoderamento feminino, que hoje por ser muito discutido e fomentado, faz com que cada vez mais jovens entendam seus direitos e trilhem caminhos incríveis, dando oportunidade para outras.

Segundo o Sebrae, 24% das empreendedoras têm até 35 anos, enquanto 18% dos empresários estão nessa faixa etária. E apenas 4,7% das startups brasileiras são fundadas exclusivamente por mulheres, de acordo com o estudo “Female Founder Report 2021”.

Como trazer o empoderamento feminino para o digital?

Não necessariamente você mulher precisa ser uma empreendedora para mostrar sua presença nas redes sociais. Contudo, é importante lembrar que antes de qualquer coisa, principalmente falando da área profissional, você é a sua maior e mais importante marca!

Ser uma marca em primeiro lugar, engloba algumas coisas como:

  • Aprender a se apresentar;
  • Trazer novidades dentro da sua expertise;
  • Gerar conteúdos de valor;

E principalmente: ENSINAR!

Em segundo lugar, é ideal lembrar que empoderamento feminino digital pode ser feito em qualquer segmento. Se você é mãe e tem uma empresa, não precisa falar apenas de empreendedorismo, e pode mostrar seus valores através da maternidade também. 

Em terceiro lugar, devemos lembrar que o empoderamento feminino digital está em vários detalhes, como apoiar outras mulheres que produzem conteúdos diversos. Fazer troca de engajamento entre diversos segmentos. 

Por que é tão importante?

Na era digital, com inúmeros influenciadores, o digital é um mercado que fatura mais de US$ 2 trilhões anualmente, o que em reais é mais de 10 trilhões. É uma nova forma de gerar lucro, movimentar o capital e gerar empregos.

Quando feito de forma constante, pode atingir resultados inimagináveis, causando diversos impactos positivos, pela luta de equidade de gênero, visibilidade e voz em discussões que antigamente eram pouco citadas.

Ele é importante para a geração atual e será ainda mais para as futuras, pois dessa forma, o conhecimento chegará em lugares que muitas vezes nem sabíamos que existia. Empoderar-se em todas as áreas da vida é importante, porém, mostrar e ajudar outras mulheres a fazerem o mesmo é fundamental! 

Artigos Relacionados